Não eram os alienígenas: Nvidia assume autoria do círculo em plantação na Califórnia

Ação foi criada para promover o processador Tegra K1 como “algo de outro mundo”. 

Os sinais desenhados numa fazenda em Salinas, na Califórnia, não eram círculos alienígenas, afinal. O misterioso desenho rendeu especulação na mídia – continua na capa da Folha de SP, por exemplo – mas se revelou apenas uma ação de marketing.
 
A Nvidia utilizou a estratégia para promover seu novo processador Tegra K1, que possui 192 núcleos gráficos. O desenho na plantação imita o chip, e traz o número 192 em Braille no centro do círculo.
 
O Tegra K1 estará presente nas novas placas GeForce GTX e, segundo a Nvidia, trata-se de uma tecnologia tão avançada que só poderia ser anunciado como algo “de outro mundo”.
 
No vídeo abaixo, a empresa mostra como a ação se desenvolveu:

Via brainstorm9.com.br

Compartilhe:Share on Facebook2Tweet about this on TwitterShare on Google+0Share on Tumblr0Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0Email this to someone
Esta entrada foi publicada em Geral, Marketing, Tecnologia e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *