Novo método de impressão 3D cria objetos até 100 vezes mais rápido

As impressoras 3D estão no mercado há alguns anos e agora começam a chegar aos lares de usuários comuns por estarem mais baratas e, consequentemente, mais acessíveis. O problema é que esses dispositivos ainda levam horas para produzir um único objeto, que muitas vezes não fica com o acabamento desejado. Mas, no que depender da empresa Carbon3D, isso está para mudar com um novo método revolucionário.Novo método de impressão 3D cria objetos até 100 vezes mais rápido

Trata-se de uma novidade baseada no filme "O Exterminador do Futuro 2", em que o robô vilão T-1000 "nasce" de uma poça de metal líquido. É justamente essa a proposta da companhia: projetar um objeto 3D a partir de um recipiente cheio de resina plástica. Além do método se diferenciar do processo de outras impressoras, que utilizam a sobreposição de camadas, a técnica garante que as peças tenham uma qualidade de finalização muito superior e sejam criadas até cem vezes mais rápido.

A impressão 3D atual consiste em um mecanismo que faz com que o plástico seja expelido por um bico, responsável por formar as camadas do objeto. A prática é bastante lenta e tem pequenas interrupções, que aumentam ainda mais o tempo de fabricação das peças. Com a nova tecnologia da Carbon3D, batizada de CLIP (sigla para Produção de Interface de Líquido Contínuo, na tradução livre), os objetos emergem da própria matéria-prima, em um processo contínuo, sem pausas.

O funcionamento da tecnologia consiste em dois fenômenos. No primeiro, raios de luz passam por uma pequena abertura permeável ao oxigênio, que por sua vez projeta esses raios de luz em um recipiente com resina líquida. A partir daí, começa a segunda parte do processo, quando a luz e o oxigênio controlam a solidificação da resina e fazem com que o objeto "cresça" sem interrupções.

Via canaltech.com.br

Compartilhe:Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Share on Tumblr0Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0Email this to someone
Esta entrada foi publicada em Tecnologia e marcada com a tag , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *