Para nossa alegria: os dez memes do ano

Diversos memes estiveram na boca — e nas redes sociais — das pessoas em 2012. Confira dez brincadeiras e montagens com frases e fotos que repercutiram na mídia social. 

Luiza, do Canadá para o Brasil 
Meme espalhado na mídia social logo no início do ano. Filha de influente família paraibana, a intercambista Luiza Rabello caiu na boca do povo após a veiculação do comercial de uma construtora em que seu pai eterniza o bordão “Menos Luiza, que está no Canadá”. Em janeiro, a hashtag #LuizaEstanoCanada entrou nos Trending Topics do Twitter e a frase foi parar na boca de famosos, empresas de e-commerce, agências de viagens e Luiza colheu os frutos da fama instantânea. A jovem voltou ao Brasil, protagonizou campanhas, fez presenças vips em festas e até virou tema de questão de concurso público.

Cristo restaurado. E multiplicado
Muito ajuda quem não atrapalha. A espanhola Cecilia Giménez deveria ter pensado no velho ensinamento popular quando tentou restaurar o quadro Ecce Homo, na Igreja de Nossa Senhora da Misericórdia de Borja, na Espanha. Resultado: o rosto de Cristo terminou desfigurado e diferente da pintura original, do artista Elías García Martínez. Assim que a notícia se espalhou na web, internautas compartilharam montagens com obras clássicas como Mona Lisa, de Leonardo Da Vinci, supostamente alteradas pela senhora. Restauradores profissionais foram convocados para corrigir a imagem. Proativa, Cecilia colocou-se à disposição para ajudar na empreitada. O pedido foi declinado.

Saldão da Lady Gaga
Os shows da cantora Lady Gaga no Brasil foram anunciados com grande expectativa pela produtora T4F. Porém, a procura por ingressos não foi a imaginada. Duas semanas antes do evento, um dos patrocinadores lançou uma promoção para aumentar as vendas. Ingressos também foram disponibilizados em sites de compras coletivas. O fato deu origem ao Saldão de Ingressos da Lady Gaga, uma série de brincadeiras na web que satirizavam o fraco movimento de vendas. O Tumblr acheioingressodagaga.tumblr.com concentrou a zoação.
“Imagina na Copa” explodiu
Desde 2007, quando o Brasil foi oficializado como sede da Copa do Mundo de 2014, as especulações sobre a falta de infraestrutura do País para receber um evento desse porte estão em pauta. Os investimentos em aeroportos, rede hoteleira, o comportamento dos brasileiros e, principalmente, os atrasos para o início das obras dos estádios, preocupam os organizadores. Em junho, o vídeo “Shit cariocas says” brincou com o jeitinho carioca — e brasileiro — de ser: malandragem, reclamações do calor e do sol, comportamento dos moradores em bailes funks e etc. Tudo muito exagerado e, claro, divertido. Uma fala de um dos personagens do filme permaneceu no imaginário: imagina na Copa! O bordão ganhou vida própria e diversas situações foram adaptadas para a utilização da frase. Se o metrô está lotado, imagina na Copa! Se o trânsito está caótico, imagina na Copa! A frase caiu no gosto dos brasileiros.

Muita “chatiação”
Fulano está #chatiado. Segundo o youPIX, a origem histórica desta peculiar forma de escrever a palavra “chateado” vem das comunidades do Orkut. Em 17 de janeiro, o ex-BBB Daniel, que na ocasião sofria a acusação de estupro, se defendeu por meio de um post no Twitter, no qual afirmava estar “chatiado com as acusações”. Tuiteros influentes começaram a usar a palavra para tirar sarro do moço e a expressão virou moda na websfera brasileira.

Os desastres de Nana Gouvêa
O que fazer no dia seguinte à passagem de um furacão por sua cidade? Tirar fotos da tragédia e postar nas redes sociais. A modelo brasileira Nana Gouvêa, que está morando em Nova York, decidiu registrar o rastro de destruição, mas optou por fazer um ensaio com caras e bocas e poses sensuais em cima de árvores caídas, carros amassados, telhados despedaçados, entre outros estragos. Assim que as imagens caíram na rede, a modelo tornou-se assunto de internautas, que criaram montagens com fotos de Nana em outros cenários trágicos e até em fatos históricos. As cenas da modelo geraram tanta repercussão que ela foi parar em sites de notícias internacionais. Nana se justificou e disse que não entendeu a reação das pessoas.

Oioioi divino
Atire a primeira pedra se você não sabe quem é Carminha, Tufão, Nina e os célebres integrantes do Divino, subúrbio carioca de Avenida Brasil. A trama das nove fez sucesso entre os tuiteiros, que começaram a publicar a hashtag #oioioi, uma parte da música Vem Dançar com Tudo (Kuduro), que abria o folhetim, assim que a novela entrava no ar. No capítulo final de Avenida Brasil, o Twitter registrou mais de três mil tweets por minuto com a hashtag #oioioi.

José Serra, um meme atrás do outro
Em uma ação de corpo a corpo com a população de São Paulo, o então candidato a prefeito José Serra perdeu um dos sapatos ao arriscar chutar uma bola em um campo de várzea. Uma foto que registra o exato momento do chute foi compartilhada, curtida e alterada por usuários nas redes sociais. Nas imagens que seguiram, Serra aparece dançando o hit Gangnam Style com o rapper Psy, lutando UFC e até jogando capoeira. Não foi o único meme de Serra. Ele até “participou” de outro hit da web: uma mistura de sua pose ao tentar andar de skate com a orca do famoso vídeo do estudante Nissim Ourfali, que curte ir para a Baleia (praia paulista).
Coronel Jesuíno já lhe usou
“Se apronte, que hoje eu vou lhe usar.” A frase proferida pelo Coronel Jesuíno, personagem de José Wilker na minissérie Gabriela, virou bordão oficial dos internautas, que adaptaram a citação para uma série de situações diferentes em mensagens e imagens no Facebook, Twitter e Pinterest. Perfis fakes do coronel foram criados. Em entrevista ao jornal Extra, Wilker comentou o sucesso do personagem. “Fico contente com essa repercussão e acho que o Jesuíno é uma das melhores coisas que fiz na TV”, disse.

Momento família
Tudo começou com um vídeo em que Jef­ferson, a mãe Mara e a irmã Suellen se reúnem na sala de casa para cantar uma música. No momento em que Jefferson canta o verso “Para a nossa alegria”, Suellen não aguenta e dá risada, deixando a matriarca da família brava. A performance musical do trio e a forma engraçada como Jefferson, portador de uma voz marcante, canta tornaram-se viral e o vídeo atingiu mais de 15 milhões de visualizações. Os protagonistas do filme foram alçados ao sucesso. De carona no hit, a Pepsi assinou um contrato com a família e eles também participaram de uma série de programas de TV, como o Pânico na Band. O sucesso gerou diversas paródias. Montagens com diversas mensagem e caras e bocas de Jef­ferson se espalharam pelas redes sociais.


Fonte: meioemensagem.com.br

Compartilhe:Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Share on Tumblr0Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0Email this to someone
Esta entrada foi publicada em Geral e marcada com a tag , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *